Laringomalácia?! E agora?

Fazer a avaliação e acompanhamento com o médico otorrinolaringologista é fundamental. Essa é a primeira coisa que deve ser feita quando se pensa em Laringomalácia. 

É importante que você entenda a respeito do problema do seu filho. Aprender mais sobre o que ele tem vai tornar o dia-a-dia de vocês mais leve.

 

Todo conteúdo que disponibilizamos é meramente informativo. O diagnóstico e a condução do tratamento só devem ser feitos pelo seu médico. Textos e comentários não substituem a consulta médica.  Se você acha que o bebê está com problemas para respirar, chame o SAMU ou procure o pronto atendimento.